Dúvidas frequentes sobre como funcionam as atividades Aéreas:

 

Qualquer um pode fazer?

 

Você não precisa ter qualquer experiência com atividades físicas, nem possuir um biotipo ou uma idade específica. As atividades aéreas são bastante democráticas!

 

As restrições ficam por conta da avaliação médica, necessária para o inicio de qualquer exercício físico. Pessoas que têm algum problema mais sério nas articulações do ombro, do punho, joelho ou mesmo nos cotovelos devem evitar os aéreos porque essas regiões são bastante exigidas durante os treinos. Se você se encaixa em algum desses casos converse antes com seu médico.

 

Quais os benefícios?

 

Diferente de outras práticas, as atividades em aéreos trabalham todos os grupamentos musculares em conjunto, além da coordenação motora, flexibilidade e expressão corporal. conforme a frequencia nas aulas o corpo vai se adaptando ao ritmo e seu condicionamento físico  melhora muito. Raciocínio, memória, postura e força dos membros são beneficiados também!

 

Em nossa escola o ambiente é silencioso, com uma decoração minimalista e uma vista linda para uma área super arborizada. Aqui, Totalmente diferente das academias, Além de se exercitar você foge da correria do dia a dia e se diverte com a grande variedade de movimentos existentes. As aulas são o oposto de monótonas, pois todos os dias temos um desafio novo pela frente!

 

O objetivo das atividades circenses não é o emagrecimento, mas em uma aula com duração de 1h30 você pode perder até 500 calorias!

 

Como acontecem as aulas?

 

As aulas iniciam com um alongamento longo que trabalha todas as partes do corpo. Essa parte é essencial não apenas para preparar o corpo para o que estar por vir, mas também para desenvolver aos poucos a flexibilidade.

Em seguida vamos para as séries de abdominais, pois a força no abdomem é fundamental quando estamos pendurados!

na terceira parte da aula temos os chamados 'educativos': são exercícios intensos de força nos aparelhos aéreos para que se adquira resistência.

Após toda essa preparação - indispensável para a prevenção de lesões - é que iniciam as acrobacias nos ares.

Para finalizar temos mais um alongamento focado principalmente na região dos braços, mãos e dedos.

 

O aluno fica no aparelho aéreo a aula toda?

 

Não, os aparelhos vão sendo revezados durante as atividades. São até 3 pessoas que dividem o mesmo aparelho e um professor pode ficar responsável por, no máximo, 3 aparelhos. O atendimento nas aulas de Aéreos precisa ser constante e muito personalizado, de acordo com as necessidades de cada aluno.

Nas aulas específicas de Aéreos (tecido, lira, trapézio: tanto com crianças quanto com adultos) o tempo de descanso entre as séries é necessário ao treino e influencia, positivamente ou negativamente, no crescimento muscular. Ele não serve só para o descanso, mas pode definir se o aluno terá ou não dor tardia, se o treino foi intenso ou submáximo, entre outras coisas. É contra indicada a realização de trabalhos com cargas elevadas frente a um baixo descanso por dois motivos:

O primeiro deles é no maior recrutamento de fibras vermelhas, as quais estão mais associadas com a resistência do músculo do que com sua força máxima. Essas fibras normalmente recrutam maiores quantidades de oxigênio e podem gerar maiores quantidades de ions ácidos. O segundo deles, é a capacidade de utilização de maiores quantidades de compostos além do glicogênio pelo músculo (como o próprio ácido lático, como algumas quantidades de lipídios, entre outros).

 

Os trabalhos com descansos curtos entre as séries, para que possam ter uma intensidade relativamente alta, necessitam de utilizações menores de cargas, para que sejam atingidas maiores repetições. Esse treino muitas vezes é o mais utilizado entre as pessoas. Entretanto, nas atividades Aéreas a carga dos movimentos é sempre alta, visto que trabalhamos com o peso do próprio corpo pendurado.

 

Além disso, nas atividades Aéreas muito importante que o aluno observe os outros colegas executando o mesmo conjunto de movimentos que acabou de executar ou que ainda virá a executar, para que eles aprendam através da observação e memorizem os movimentos.

 

Qual roupa devo usar nas aulas?

 

Nas aulas de aéreos a região das costas, da barriga e das pernas precisam estar protegidas, pois o atrito com os aparelhos aéreos pode machucar a pele. O ideal é o uso de roupas justas, pois calças e blusas muito soltas podem atrapalhar nos exercícios em que ficamos de cabeça para baixo ou podem se enroscar no tecido acrobático. As aulas são feitas com os pés descalsos, sem meias.